Porque o Intellij? 

Hoje nós vamos falar sobre o Intellij!

Anúncios

Desde que eu comecei a programar na faculdade, eu sempre usei o eclipse como IDE. Ele tem uma interface intuitiva e é uma plataforma extremamente extensa de plug-ins. So que esse post é sobre o quando eu comecei a trabalhar com o intellij e como isso foi sensacional.

Primeira IDE

Eu ja citei anteriormente que meu background de programação é particularmente com Java. E segundo  pesquisas que eu mesmo fiz a grande maioria comeca a programar em duas IDEs, Eclipse ou NetBeans.

Eu comecei  com o eclipse porque achei o NetBeans bem complicado e os benefícios não me atraíram a ponto de superar a curva de aprendizagem. Eu conheço uma galera que prefere trabalhar nele por conta das facilidades que ele oferece no inicio e nas configurações do projeto. O problema nesse caso é que quando você está começando, não sabe  de  nada disso então fica difícil aproveitar isso. O eclipse oferece isso de una forma mais interessante,  quando você obtém ele no site ele tem as configurações mínimas pra você criar seu projeto. E quando você aprende mais,  existe um  plugin X(insira aqui seu plugin preferido) que permite você fazer algo mais avançado.

“Angeliski,  até agora você não falou nada do Intellij”

Calma jovem,  acontece que o eclipse é uma ferramenta muito boa e eu quero que você entenda os motivos. Porque eu não vou te dizer que o Intellij é melhor, só que ele é diferente.

Se você trabalha ou trabalhou com o eclipse sabe que ele é cheio de manias. O build de um jeito,  precisa dar clean assim,  refresh no outro e qualquer outra mania específica do seu projeto. Isso não é o fim do mundo, mas enche as vezes. Mas eu não vou falar mal do eclipse não,  vou falar da minha história com o Intellij.

O Início

Você já deve ter ouvido falar do Intellij e ter ido ver como é.  Eis que surge o primeiro susto: é pago.

“Como assim? O eclipse é de graça, porque eu vou pagar pra usar?”

Você sabe porque. O eclipse é uma ótima ferramenta, mas você é um profissional. Quando você precisa de uma ferramenta profissional, seja um alicate, um equipamento, ou qualquer outra coisa do tipo, você não paga por isso? A mesma coisa é com a sua IDE, quando você precisa de uma ferramenta profissional, paga por ela.

Outro detalhe do Intellij é que ele tem uma curva de aprendizado. Pra alguém que está começando é díficil e isso normalmente faz com que as pessoas deixem de usar.

Existe ainda um cenário pior, você trabalha com o Eclipse por muito tempo e resolve testar o Intellij no trabalho.

giphy
CAOS

Você fica lá tentando fazer as coisas como no eclipse, mas nada dá certo. E ai vem aquele bug e você precisa resolver logo… Lá se foi a sua tentiva de usar o Intellij.

Eu também passei por isso, diversas vezes eu tentei usar o Intellij, mas a curva de aprendizado de uma nova IDE em contraste com a minha produtividade no Eclipse sempre me empurrava para ficar onde eu estava.

O Ponto de virada

Quando eu entrei na Bluesoft, 90% dos desenvolvedores trabalhavam com Intellij. O que não é estranho se você parar pra pensar. Quantas vezes você já foi em um evento e aquele palestrante X tinha um Intellij aberto? E você sem saber porque ele usava aquilo.

Conforme eu ia pareando com os desenvolvedores, eles iam me mostrando como o Intellij funcionava. Atalhos, vantagens, configurações e isso foi se mostrando vantajoso. Vou dar alguns exemplos:

  • Decompiler – O Intellij tem um decompilador fantástico, que permite você inclusive debugar o código externo que não tem fonte.
  • Database tools – Ele tem uma visão que permite você conectar no banco, gerar consultas, editar registros inline e inclusive copiar uma linha gerando um insert, update ou até mesmo no formato CSV.

  • Quick Search – Outra coisa é a pesquisa que permite que você visualize um preview dos resultados, permitindo que você interaja com as classes, editando ou navegando nelas.
  • Autocomplete – Você consegue usar no JS, no Java, no Groovy, Clojure, Angular…. E milhões de outras coisas.
  • Search Pattern – Você consegue pesquisar por trechos e até mesmo por regex, tudo de modo simples e interativo

Claro que isso são só algumas coisas. Conforme você vai usando, vai descobrindo outras coisas vantajosas pra você.

Duvidas? gostou? Me acha um idiota?

Comenta ai!!
Angeliski

 

Comenta ai !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s